Postagens

SERÁ QUE VALE A PENA?

Imagem
Até onde você iria por um sonho? Quais coisas estaria disposto a abrir mão em favor de um único objetivo?
Ou, pior
Você abandonaria - mesmo que provisoriamente - as coisas que ama para lutar por algo incerto?
Como diria um amigo meu: "Nathalia, você está numa daquelas fases de novo!"


Me considero bem controladora e confesso que é uma luta tentar não controlar tudo. Tempo, clima, e até pessoas parecem ótimas coisas a serem monitoradas. É horrível, eu sei. Obviamente não é possível ter o controle de tudo.
Nos últimos dias a linda pergunta "Será que vale a pena?" me rondou com maior frequência. Agora penso nela SEMPRE que estou prestes a abrir mão de qualquer diversão/descanso para estudar. Cada vez mais penso o futuro e, logo depois me sinto péssima por não saber o que está por vir.
Se você estuda para vestibular ou para algum concurso público provavelmente sabe do que estou falando. Isso também se aplica a qualquer sacrifício necessário para alcançar certo objetivo…

MARCO ZERO

Imagem
Ps.: depois de ficar esgotada com várias coisas permeando minha cabeça junto com a preocupação exacerbada com coisas como vestibular, decidi largar o receio no meio do caminho e confessar logo para as pessoas que sim, eu tenho um blog (besta neh, se postei no blog é porque tenho um, mas não é algo bobo para aqueles que não sabiam.
"Que a minha arte me aponte uma resposta mesmo que ela não saiba." - Oswaldo Montenegro

Não tenho a menor noção de quantas semanas da minha vida fiquei tentando fazer esse blog ficar bom, não que agora ele esteja. De tanto tentar fazer tudo do jeito mais perfeito possível, não fiz nada. Isso não se aplica apenas ao blog, mas também ao meu trabalho como fotógrafa, aos meus livros que abandonei (tanto leitura quanto escrita), aos meus estudos que são adiados dia após dia e etc.
Já fiz uma pausa, já fiz escolhas e agora é hora da ação! Não prometo frequência nem a tal da perfeição, porque não posso me comprometer com isso. Prometo que tudo feito por m…

PRECISO ACREDITAR MAIS - DIÁRIO #4

Imagem
Trecho do poema musicalizadoMetade do Oswaldo Montenegro que fala muito sobre o que sinto, sou e o que quero ser:
"Que a arte nos aponte uma responda mesmo que ela mesma não saiba."


Na última Quarta-Feira (16) fiz 18 anos e meu nível de perplexidade com a vida só se tornou mais intenso. A coisa que mais ouvi sobrese tornar maior de idade perante a lei foi que não mudava nada, quer dizer, eram apenas comentários pessoais. Não me lembro da última vez que dei tanta importância ao dia 16 de Agosto como este ano. Não que meus outros aniversários não haviam sido comemorados, mas esse foi diferente.
De repente, acordei e decidi que queria ter uma festinha de aniversário. Faltavam pouco mais de 30 dias e consegui convencer meus pais a me ajudarem com a organização. Pensei tanto em escrever sobre isso, e postar aqui sobre cada ideia, detalhe, ou pensamento relacionado a esse dia. No final das contas, não escrevi nada.
Lá vai eu, então, escrever sobre isso no dia anterior da festa, num…

DÁ UM PAUSE

Imagem
Todas as pessoas que conhecem minha rotina dizem que eu deveria descansar mais, diminuir a quantidade de tarefas diárias e, principalmente, fazer mais pausas entre essas tarefas. Como já era de se esperar, não segui esses conselhos.

faço muitas coisas? talvez


É 5 da manhã, acorda Nathalia. Corre porque ontem você não arrumou a mochila para a escola. Come alguma coisa e sai, seja rápida. Volta, abre o portão e pega o bilhete único que você esqueceu. Hoje você ainda tem bastante coisa pra fazer, então não esquece de estudar 9 horas por dia, tá? Tem que dormir mais de 8 horas, ler e estudar música também. Não esquece que você trabalha com foto e precisa entregar as fotos pra Dri. Ah, você tá na escala e vai cantar na igreja essa semana, não marca nada pra esse horário. Tem mais, tu namora então trata de separar um tempo pro seu namorado. Não esquece daquilo que ele te falou: "Você precisa ter um tempo pra relaxar e se divertir, se não fica doida.". Vai, liga a Tv, assiste Dr. Ho…

[ SILENCIA.DOR ]

Avisto-o de canto e,
tal situação torna cinza minha alma colorida...

Você está imóvel, parece sem vida
Agarro-te mas não consigo esquenta-lo,
balbucio palavras de conforto, carinho...
Obviamente, não funcionou.

meu mundo cai
eu desabo

Seguro-te entre minhas mãos
cheiro-te
beijo-te
choro

gritos se intercalam com soluços
lágrimas molham seu corpo

pulsação e respiração se enfraquecem
músculos tornam-se tensos
olhos se fecham

você se foi, eu senti, e não posso fazer mais nada.


COMECEI PRA VALER, E AGORA?

Imagem
Ok, esse provavelmente será o início do que seria um Blog de Verdade (?).
Depois de vários dias superocupados, cheia de tarefas, e imersa num mundo onde a única língua falada é "você tá estudando pro vestibular?", fiquei gripada - mais uma vez - e decidi largar um pouco as minhas responsabilidades pra fazer coisas que eu já não me dedicava fazia um tempo (citei isso aqui), obviamente, o florestalis estava nessa lista de coisas.


Meus planos para esse sábado (27/05) eram simples: estudar o livro Sagarana, fazer a lista de redações que ainda não escrevi, ajudar o pessoal na igreja, e estudar mais um pouco quando chegar. Dá preguiça desse planejamento só de lembrar!
Ao invés desse - interessantíssimo - dia planejado, acabei usando metade dele pesquisando o que raios eu faria com o florestalis. Na real, ainda não sei. Vou mandar uns e-mails para alguns blogueiros, criar coragem para mostrar o blog para uns amigos, e enfim, pedir ajuda real.
Não é errado se sentir perdida e pedir…

Mais um poeminha - errado - em inglês

Imagem
Estava tentando bolar uma estratégia de ficar estudando para o vestibular muitas horas por dia e mesmo assim me dedicar a escrita, a música e a fotografia. Como de praxe, fiquei mais confusa ainda sobre qual carreira iria seguir, se realmente valeria a pena abrir mão de tanta coisa... grande novidade, mais uma dúvida pro meu hall de questões. O grande ponto é: eu estava planejando uma rotina que com certeza iria me engolir. Tal plano era: estudar 10 horas por dia, e o que sobrar servirá para dormir, comer e fazer coisas da igreja. Mas enquanto eu fazia planos mirabolantes para estudar 10 horas por dia, meu lado - digamos - "artístico" começou a florescer. E então escrevi isso...


ps.: Não sou profissa em inglês, blz!? 
[inglês]
"What I do about art?
music, always playingwritting, always with my cellphone notesphotograph, always with some camera Ok, I'll be back to my art To my soul To my mind
I had a bunch of days with no thinking It wasnt so good I wasnt fine
Now I w…